A importância do (re)conhecimento do negro e do seu gradiente de Cor